Conheça as principais formas de investimento para juntar R$ 1 milhão

A ideia de juntar R$ 1 milhão pode parecer muito distante da sua realidade, mas investindo direito, é um sonho possível. Para isso, é preciso traçar um planejamento e saber como lidar com seu dinheiro.

No ano de 2020, de acordo com um levantamento da Global Wealth Report, o Brasil contava com 200 mil milionários. Assim, para se tornar mais um desses, siga lendo o conteúdo e descubra como enriquecer.

Como é juntar R$ 1 milhão no Brasil

Hoje em dia, a nação ocupa a 18ª posição no ranking de países com mais pessoas que têm essa quantia nas contas. Sendo que boa parte desses brasileiros conseguiram a quantia com base em ter uma boa estratégia.

Para juntar R$ 1 milhão é preciso ter disciplina e consistência para investir todos os meses. Mas, isso precisa ser feito de uma forma responsável, que não comprometa sua receita. Portanto, o primeiro passo é se organizar para os meses futuros.

As principais recomendações para juntar R$ 1 milhão

Quem quer se tornar um milionário precisa considerar algumas coisas importantes antes de começar o processo. Afinal, dessa forma é possível cumprir com seu compromisso e ainda ter renda para o cotidiano. Algumas das dicas fundamentais estão listadas a seguir.

  • Pague suas dívidas: antes de começar a poupar e investir é preciso pagar o que deve;
  • Evite gastos desnecessários: seja consciente para não gastar mais do que precisa;
  • Gere renda extra: procure formas de ganhar dinheiro em suas horas vagas;
  • Tenha um objetivo: para juntar R$ 1 milhão é importante ter um foco ou meta, assim não irá dispersar de seu intuito;
  • Diversifique seus investimentos: tenha diferentes aplicações de renda;
  • Invista: faça seu dinheiro trabalhar para você por meios de investimento, onde ele se valorize.

As pessoas que seguem esses passos têm mais chances de sucesso na hora de poupar sua renda. Portanto, antes de iniciar o processo, é preciso anotar todos os seus gastos e entender sua vida financeira.

Como juntar R$ 1 milhão

O primeiro passo para conseguir juntar R$ 1 milhão é saber o quanto você ganha e seu custo de vida. Assim, é possível entender o quanto sobra no final do mês e definir um plano para o futuro.  

Definir qual o valor que será investido é crucial para ver por quais rendimentos optar. É interessante que assim que receber já efetue os seus pagamentos e faça o seu investimento. Isso vai evitar que se utilize o dinheiro de outras formas.

No que aplicar 

Encontrar no que aplicar sua renda pode ser o passo mais trabalhoso que irá enfrentar. Isso porque a maioria dos poupadores não sabem quais são as opções com as melhores taxas de retorno.

Para juntar R$ 1 milhão é preciso acompanhar as principais carteiras em circulação. Além disso, conferir o que os principais nomes  do setor têm recomendado como boas chances de lucro.

Quais são as principais opções de investimento

Existem algumas opções conhecidas por serem tradicionais no mercado financeiro. Por isso, elas estão explicadas a seguir, com todos os detalhes mais cruciais. 

Poupança

Costuma ser a porta inicial dos investimentos por ser fácil, seguro e disponível em todos os bancos. Porém, ela possui um dos piores rendimentos que existem entre as aplicações atuais. Logo, não é indicada para quem quer que os valores sejam consideráveis.

Seu baixo retorno faz com que seja uma alternativa apenas para quem precisa movimentar o dinheiro com frequência. Então, não é o processo recomendado para  quem quer juntar R$ 1 milhão.

Tesouro Direto

O Tesouro Direto também é uma opção muito segura e com uma rentabilidade melhor. Mas, seu preço varia a cada mês, por isso, pode fazer seu dinheiro ter menos poder. O que faz necessário acompanhar o seu andamento.

Para investir nessa alternativa é preciso ter uma uma conta em uma corretora de valores. Depois disso, é só escolher o título que atender melhor às suas expectativas. Eles são dividido em 3 grupos:

  • Selic;
  • Prefixado;
  • IPCA. 

Bolsa de valores

Quem quer juntar R$ 1 milhão rápido precisa começar a se arriscar na Bolsa de Valores. A modalidade se popularizou nos últimos anos fazendo com que mais pessoas tivessem acesso. 

Tem um pouco mais de risco sobre o investimento, com isso a previsão se torna complexa. Por isso, a quantia aplicada deve ser apenas uma parte do seu capital total. Para se sair bem é preciso analisar de forma constante os valores apresentados.

É possível juntar R$ 1 milhão?

Sim, com disciplina e organização, mesmo sem ganhar muito dinheiro é possível se tornar um milionário. Para isso é preciso estudar bastante e aplicar o que aprendeu no seu cotidiano.

Para juntar R$ 1 milhão é importante definir uma meta e prazo e se esforçar para atingir. Defina os investimentos e acompanhe como o mercado tem se comportado. É importante saber que a prática deve ser constante pois as variações não param.

Busque se organizar com a sua renda e entender o seu perfil de investimento. Dessa forma, as chances de conseguir alcançar o sonho são bem altas.

Brasileiro, investidor curioso de renda variável, professor de pós-graduação na PUC Minas na área de Marketing Digital, atua como Consultor de Marketing Digital e Gestão de CRM atendendo empresas de diversos portes. Tem formação em Business Marketing pela Ohio University, Gestão de Pessoas e Especialista em Desenvolvimento Web pela PUC Minas e Produtor Multimídia pela UniBH. Também é fundador do Diário de Investimentos, Aplicativo Tricks (Guia Radical), Teste de Digitação Online e da Digitow - Plataforma de Digitação. No tempo livre é fotógrafo, viajante no mundo e praticante de esportes radicais. blogueiro no portal de experiências CV do Fábio.
Post criado 102

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo